Ocorreu um erro neste gadget

22 março 2011

A BELEZA DO REBENDOLENG

Por Laís S. Santana

Muito se discute sobre reciclagem, reaproveitamento, sustentabilidade. Muitas pessoas conscientes e com recursos nas mãos para tentar ajudar a melhorar o cenário atual de altos consumos, poluição e desgastes dos recursos naturais, tem se movido no sentido de trazer bons resultados.

Parte da beleza desse movimento pode ser observada através da ação de pessoas e comunidades de onde podemos acreditar que os recursos são poucos e a informação escassa.

Com renda curta, com o qual sustenta a esposa e dois filhos, Sr. Geraldo, um paranaense que vive na pequena cidade de São João D’Aliança ao sul da Chapada dos Veadeiros – GO, há muitos anos, soube como buscar recursos para proporcionar conforto à sua família. Suas ações geram baixo custo e equilíbrio com a beleza do cerrado da Chapada que os rodeia.

De aprendizados em cursos, observações, tentativas e experimentações, esse paranaense tem transformado a sua chácara Rebendoleng numa ecovila. A sua idéia é construir uma pequena comunidade onde tudo ou quase tudo funcione de forma sustentável. Para isso, ele tem aprendido e construído com suas próprias mãos tudo o que se vê por lá.

O espaço dispõe de chalés construídos com tijolos de adobe, técnica aprendida por ele, as janelas são manilhas de concreto cortadas ao meio e madeiras reaproveitadas. Ao amanhecer podemos vislumbrar, das garrafas coloridas que compõem as paredes, lindos espectros de luz refletidos no interior dos chalés. Para este senhor tudo se aproveita.


Chalés construídos por Sr. Geraldo

A casa do Sr. Geraldo, ainda, conta com uma estrutura toda produzida por ele de aquecimento solar da água, banheiro de compostagem, fogão e forno a lenha onde D. Marlene, sua esposa, faz comidas caseiras maravilhosas.
Caminho para o banheiro de compostagem e banheiro ao fundo

Tudo o que se vê na Chácara Rebendoleng é muito criativo, belo e aconchegante, o que só reforça a idéia de que reaproveitamento não deve estar ligado ao lixo, ao feio ou ao mal acabado, mas a beleza do reconstruir.

Essa família simpática mantém suas portas abertas para interessados em aprender mais sobre ecotécnicas e permacultura ou para quem apenas deseje relaxar na chapada dos Veadeiros. Hospedando-se lá pode-se conhecer muito da história e cultura local, através de longas prosas com eles, na cozinha de D. Marlene.

Quem tiver mais interesse nessa brevíssima apresentação, na maneira como a família vive e trabalha as ecotécnicas e permacultura, pode ler mais no seu blog http://ecopousadarebendoleng.blogspot.com/ ou entrar em contato através do telefone (62) 96694729.

Crédito das imagens: http://ecopousadarebendoleng.blogspot.com/


--


Laís S. Santana é especialista em design de produto, graduada em design gráfico. Atua na área de ensino superior com os cursos de design de produto e design de moda. Está em busca de novas experiências multidisciplinares.

2 comentários:

  1. Vale a experiência de passar uma tarde de prosa com sr. Geraldo ;D

    O lugar é muito interessante... e ainda é preciso falar das belezas naturais dos arredores. Cachoeiras, Morros e fendas... estamos em busca de conhece-la em sua totalidade ou pelo menos quase =)

    ResponderExcluir
  2. Estamos agradecendo a boa vontade e gentileza de Laís e Daniel, voces sim são muitos simpáticos e generosos em vosso geito de ser e de viver, saibam quanto aprendemos com vosso carinho. Ecopousada rebendoleng.

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails